Início > Guerras, História > Um Verdadeiro Soldado Brasileiro – Rigoberto de Souza

Um Verdadeiro Soldado Brasileiro – Rigoberto de Souza


Esse post é mais do que uma mera descrição da história! Por várias vezes publicamos material baseado na pesquisa, na indicação ou em algum material que é enviado para este blog. Mas este POST é diferente! Recai sobre meus ombros a descrição da experiência de um verdadeiro Soldado Brasileiro. Materializar através dessas linhas um paraibano bravo que combateu na Itália e que, apesar dos seus 88 anos, possui na firmeza de seus pensamentos e na eloquência de sua voz, um relato de um integrante atuante da Força Expedicionária Brasileira.

Rigoberto de Souza Vice-Presidente da Associação Nacional dos Veteranos da FEB – Seção Pernambuco, não possui nem de longe o perfil do soldado brasileiro que os historiadores gostam de exemplificar: “o pracinha incauto com pouca educação”, muito pelo contrário, Doutor Rigorberto é um erudito, com uma biblioteca farta ele manuseia seus livros com a firmeza de conhecer e dominar cada publicação, indicando livros e fazendo menções de relatos e autores. Tivemos o prazer de passar uma tarde na presença desse homem que, entre outras coisas, possui um acervo que surpreende pela qualidade. Tudo isso tornou a visita uma verdadeira aula de história prática, que deixaria qualquer professor universitário completamente renovado da profissão. Foi uma especialização em FEB!

O Sargento Rigoberto serviu no 11º Regimento de Infantaria, Companhia de Canhões Anticarros (C.C.A.C), depois convertida para Subunidade de Fuzileiros, onde comandou um grupo de combate. Participou dos ataques a Monte Castello e a Montese, sendo condecorado com as seguintes medalhas: Cruz de Combate de 2ª Classe; Medalha de Campanha; e Medalha de Guerra. Ao retornar ao Brasil ingressou na Universidade Federal de Pernambuco, se formando posteriormente em Odontologia. Foi um dos fundadores da ANVFEB-PE, tendo atuado fortemente em 1988 pelo reconhecimento pela Constituição da situação dos Ex-Combatentes da FEB.

Mas seria injusto se não fizesse menção ao braço operacional da ANVFEB-PE, Rigoberto de Souza Júnior nosso contato, e uma  pessoa apaixonada pelo legado do pai e que, gentilmente proporcionou, não apenas esse encontro, mas também as fotos do seu acervo pessoal, e se demonstrou um grande soldado que batalha pela herança histórica da FEB no Brasil. Graças a seu exemplo, podemos ratificar nossas esperanças de continuar o trabalho em busca do reconhecimento de todos que fizeram a Força Expedicionária Brasileira um exemplo de dedicação ao Brasil.

 Uma Citação:

“A Cobra segue Fumando!”

Patrulha Brasileira - Ao Fundo a Cidade de Montese

Cidade de Montese

Sabre - Baioneta do Fuzil M1Garand

Pistola Semi-automática wz.35 Vis

 O Sargento Rigoberto em uma patrulha com o seu grupo de combate encontraram um alemão morto e sob seu corpo estava essa pistola wz.35 Vis – Arma de fabricação polonesa e que foi adotada pelo Exército polonês a partir de 1935 como armamento padrão. Posteriormente foi utilizado pela Wehrmacht com a anexação da Polônia pela Alemanha.

Informações sobre a Pistola: http://it.wikipedia.org/wiki/Radom_Pistolet_wz.35_Vis

Dog Tag - Original

Insígnia de Assalto de Tropa AlemãNegociado com um Prisioneiro de Guerra Alemão

Símbolo da FEB

Medalhas Recebidas

Desfile Sete de Setembro

Satisfação em Fechar esse Post na Presenção do Ilustre Ex-Combatente

Informações Adicionais:

http://www.anvfeb.com.br/Rigoberto_Souza.htm

Anúncios
  1. washington jadum de campos
    02/08/2011 às 8:54 PM

    Muitos bravos merecem um grande respeito de todos nós.

  2. José Cláudio MARGATO de Oliveira
    30/10/2011 às 10:21 AM

    Srs.
    Parabens pelo iniciativa, essa página de nossa história não deve ser esquecida ou apagada. Que as novas gerações conheçam o legado desses homens, esquecidos por um bom tempo, que participaram de forma impecável dessa parte (infelizmente negra) da recente história mundial .
    Tenho a honra de ter sido criado perto do Ten. Dalvaro da regional RJ da FEB e a tristeza de ver sua sede no centro do Rio se acabar aos poucos.

    Margato
    2ºTen R/2 Artilharia CPOR-RJ Tu 1980
    BRASIL ACIMA DE TUDO !!!!!!

  3. Alessandro Faria
    21/11/2011 às 5:51 AM

    Sres. Excelente Campanha em Castelo e Montese.
    Guerreiros do Brasil mostraram com sangue, que um INFANTE BRASILEIRO É ASTUTO E CAPAZ!

    A COBRA FUMOU!

  4. tenorio
    18/02/2012 às 10:05 PM

    Quem conheceu o Aspirante Accioly?

  5. Samuel Silva Junior
    29/03/2012 às 2:47 PM

    Os feitos da FEB nem todos conhecem, mas mesmo assim acho que devo parabenizar quem ainda procura divulgar esses feitos. Parabéns por não deixar morrer essa página da história.
    Infelizmente a juventude de hoje não sabe e nem imegina o que foi a participação do brasil na 2ª guerra.
    Sou filho de um sargento do 3º/ 6º RI comandante de um grupamento de metralhadoras
    O hoje Major Samuel Silva está vivo morando em São Paulo

    • Antonio Walter Santim
      12/08/2013 às 3:58 PM

      Samuel, gostaria de entrar em contato, pois também sou filho de ex-combatente, Pedro Honório Santim, que era da seção de metralhadora comandada por seu pai.

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: