Início > Guerras, História > Fotografia: Contando a Segunda Guerra Mundial – Parte II

Fotografia: Contando a Segunda Guerra Mundial – Parte II


Estamos contato a Segunda Guerra através das fotografias do Centro Histórico Alemão (Bundesarchiv). Nessa postagem estaremos “contando” a invasão da Polônia, que foi o primeiro grande evento oficial da Segunda Guerra em 01 de setembro de 1939. A campanha contra a Polônia foi desencadeada pelo Alemanha com a conivência e posterior apoio russo, estando inclusive previsto em cláusula secreta no Tratado de Não-Agressão germano-soviético. Esse fato até hoje é motivo de controvérsias. Também há registros da invasão Alemã aos países baixos e a surpreendente capitulação francesa, onde a cerimônia de rendição teve o cerimonialismo dos vencedores imposta por Hitler.

Anúncios
  1. washington jadum de campos
    04/10/2011 às 8:13 AM

    É a consequencia das vitórias e derrotas durante um período negro de nossa história.

  2. 04/10/2011 às 11:09 AM

    Parabéns por mais um post com fotos inéditas !
    Descobri a um tempo atrás que tive um parente, primo de minha vó, que foi pracinha também, porém ficou com sequelas psicológicas da guerra e preferia não participar das homenagens aos veteranos, já falecido.

  3. Francisco Bendl
    04/10/2011 às 4:55 PM

    Verdadeiramente fantástico este trabalho!
    Não se pode deixar de passar em branco ou cair no esquecimento das pessoas aquele que foi o maior conflito da história da humanidade.
    Lamentavelmente que documentos extremamente importantes ainda estejam guardados a sete chaves, impedindo que a verdade venha à tona e a Segunda Guerra seja efetivamente elucidada pelos historiadores.
    Sou um ardoroso leitor deste macro acontecimento e tenho alguns livros, coleções e vídeos que a retratam fidedignamente, e que não mostram o sofrimento atroz que as pessoas viveram durante à época que a guerra se desenvolveu.
    Um amigo meu, estudioso e escritor sobre os submarinios alemães que participaram de grandes batalhas, diz uma verdade inquestionável: na guerra, duas são as maiores vítimas: a verdade e as mães!
    Que sacrifício foi viver na Europa de 39 a 45, sendo que, na Espanha, desde 36.
    Parabéns pelas fotos.

  4. Paulo Silva
    05/11/2011 às 1:22 PM

    Eu conheço um pracinha que foi a Guerra, está vivo e bem de saúde. Caso queiram falar com ele, bastam entrar em contato. Ele participa de qualquer evento. O nome de guerra dele é SOUSA, o Senhor negro e foi meu amigo de trabalho durante 10 anos… me contou tudo sobre o Canal de Suez onde ficou na incubência de proteger o CANAL. ele desfila todos os anos no 7 de Setembro em Brasília. Hoje ele é detetive particular e é aposentado do Departamento de Policia Federal além de ex-pracinha. Abraço a todos!

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: