Início > História, Pernambuco > Joaquim Fernandes e a FEB – Uma Esperança e um Exemplo

Joaquim Fernandes e a FEB – Uma Esperança e um Exemplo


Sempre que pensamos em consciência histórica do povo brasileiro somos unanimes em rotular-nos de “povo sem memória”, evidentemente que há razões consideráveis para a colocação, e quando falamos da História da Força Expedicionária Brasileira, o quadro fica mais complicado, tendo em vista a quase imposição governamental para o esquecimento dos sacrifícios dos ex-combatentes ao longo das décadas de pós-guerra. Sobre o assunto, o blog já publicou alguns artigos, e, claro, sempre embasado no descaso histórico peculiar de nossa nação. Contudo, tivemos o prazer de conhecer uma ESPERANÇA de nome Joaquim Laranjeira, filho de um honroso companheiro, o jovem garoto revigorou os ânimos de vários combatentes da memória da FEB.

Aficionado pela participação brasileira na Segunda Guerra Mundial, Joaquim foi convidado para participar da reunião mensal da Associação dos Ex-Combatentes da Força Expedicionária Brasileira – Seccional Pernambuco, e deixou todos impressionados pela galhardia de conhecer e conversar com vários pracinhas da associação. Isso nos revigora, pois entendemos que a nossa esperança repousa no reconhecimento dos jovens para que a Memória da FEB permaneça viva, mesmo quando todos os nossos pracinhas nos deixar pela imposição da idade, teremos condições de repassar para as próximas gerações os exemplos dos heróis brasileiros nos campos da Itália.

Joaquim Laranjeira representa a juventude olhando para o passado de nosso país, portanto é fruto da nova realidade brasileira, da geração da informação fácil e acessível ao clique de um mouse, nessa geração é que depositamos todos os nossos esforços para que outros como o Joaquim, possam entender o passado do seu próprio povo e dignificar os sacrifícios de gerações passadas para que, hoje, desfrutássemos do mundo tal como o conhecemos.

O mais importante é que o jovem Joaquim tem sempre o apoio do pai Fernandes, aquele que incentiva e é fiel depositário do seu conhecimento, pois quantos exemplos temos negativos de pais que pouco estão interessados pelo o que o filho estuda? Fernandes é um exemplo de pai participativo na busca pela necessidade de conhecimento do jovem filho. E é assim que tem que ser; um homem que se preocupa com a consciência histórica dos seus filhos.

Então, ao Joaquim, o agradecimento pela esperança de que a FEB terá uma continuidade nas próximas gerações. E a Fernandes, nossos parabéns pela direção e incentivo dado ao filho.

E como diria nosso nobre amigo e pesquisador Rigoberto Júnior: A COBRA SEGUE FUMANDO…

“Conspira contra a sua própria grandeza, o povo que não cultiva seus
feitos heróicos”

 Hoje ficamos mais longe dessa Conspiração.

Saudações Febianas

Joaquim com a Bandeira da FEB

Na ANVFEB-Seccional Pernambuco

Joaquim na Rol Principal de Cerimônia da ANVFEB-PE

Joaquim com os pracinhas Alberiades e Rigoberto

Anúncios
Categorias:História, Pernambuco Tags:
  1. Joaquim Fernandes
    07/11/2011 às 9:41 AM

    Miranda bom dia,

    Foi com um profundo orgulho e acima de tudo muita honra e respeito que eu e meu filho,
    participamos da reunião na anvfeb-seccional PE, nos fomos carinhosamente recebidos por todos ali presentes,quero deixar aqui o meu agradecimento pessoal a todos foram momentos inesquecíveis para min de estar em contato com nossos verdadeiros heróis brasileiros e particularmente a você Miranda que proporcionou aquele brilho no olhar de meu filho,não tem preço !!!

    “PARA OS PRACINHAS QUE VIVERAM UMA GUERRA
    QUE NUNCA DESEJARAM E MORRERAM ESPERANDO
    UM RECONHECIMENTO QUE NUNCA TIVERAM”

  2. FRANCISCO GONÇALVES LARANJEIRA FILHO
    07/11/2011 às 10:38 AM

    É DESSE BRASILEIRO, COMO JOAQUIM QUE, O BRASIL PRECISA PARA MANTER VIVA A MEMÓRIA DE UMA GUERRA QUE NÃO FOI NOSSA, MAIS QUE PARTICIPAMOS DE FORMA HERÓICA E ESQUECIDA PELA MEMORIA ARCÁICA DE NOSSOS GOVERNANTES DESDE A ÉPOCA DA GUERRA ATÉ AGORA. PARABÉNS A JOAQUIM E SEU PAI POR RESGATAR ESSA MEMÓRIA VIVA E QUE MANTEM ACESA A CHAMA. EU ME SINTO MUITO ORGULHOSO DE SER BRASILEIRO E QUE NOSSO PAÍS ESTÁ BEM REPRESENTADO POR ESSES PRAÇINHAS, DESDE A SEGUNDA GUERRA. PARABÉNS.

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: