Início > Guerras, História > Hitler – 1939: 50 anos o Auge de Sua Vida

Hitler – 1939: 50 anos o Auge de Sua Vida


Em 20 de abril de 1939, Adolf Hitler comemorou 50 anos, ou melhor, a Alemanha comemorou os 50 anos de seu Fürher. E tinha o que comemorar. Observando do ponto de vista do passado recente, exatamente as décadas de 20 e 30, o povo alemão recuperou toda a autoestima destruída desde o fim da Grande Guerra e a assinatura do Tratado que humilhou a Alemanha.

 Mesmo não ganhando nenhuma eleição e assumindo a Chancelaria do Reich através de acordo políticos, tornou-se o líder que unificou os ideais de recuperação nacional depois da morte do Presidente Hindenburg. Desde então, Hitler abandonou qualquer tipo de política de aproximação com as nações ocidentais, implementando, mesmo que de forma velada, uma economia de guerra. A Alemanha estava ressurgindo como potência econômica e militar.

Em 1939 o mundo já se preparava para o pior. O ensaio da Guerra Civil Espanhola tinha contado com o apoio de tropas e da Força Aérea germânica; as Conferências de Paz não mais estavam dando resultado, Neville Chamberlain e outros líderes mundiais, não nutriam mais esperanças nas promessas vazias de Hitler, contudo não realizam qualquer ação concreta quanto às pretensões territoriais de anexação das nações vizinhas pelo governo nazista e sua política expansionista, o chamado “espaço vital”. O Mundo caminhava a passos largos para uma inconsequente, duradoura e custosa guerra. A máxima usada pela impressa ocidental quando no término da Primeira Guerra, parecia soar como uma Utopia desvairada: “Uma Guerra para acabar com todas as Guerras”, isso nunca se tornou realidade, nem mesmo depois da Segunda Guerra.

Anúncios
  1. mario
    26/04/2012 às 7:10 PM

    Hitler devolveu ao povo alemão o orgulho, algo que nós aquí, só achamos que o temos em época de Copa do Mundo.Mas podemos argumentar que em nosso país não existe racismo etc., todos são iguais perante a lei, mas criamos cotas raciais nas universidades públicas federais, assim o branco pobre paga pelo desparecido regime escravocrata brasileiro.

    • guga
      29/04/2012 às 12:26 PM

      Concordo em grau, gênero e número com você Mario… é por conta desse “falso orgulho”, que nossa nação é conhecida apenas por futebol, e bundas. Infelizmente a hipocrisia das pessoas de hoje (que se enganam assistindo filminhos de guerra) não sabe o quão gênio político este homem foi… para os que vão me criticar leiam sobre a de 1918 a 1930, e comparem com a Alemanha de 1939. Nunca vi um líder político igual. E sobre esse sistema de cotas, que palhaçada isso, hoje o problema não é mais racial, e sim social… me mato de estudar pra passar em vestibular, enquanto que uma pessoa declarada negra, que porventura tenha uma melhor condição social, é beneficiada mesmo sem (ou quase) estudar. Mas é isso aí, “brasileiro” se engana ‘facim facim’ é só da um carnaval com uns trios, e ele esquece daqueles que estão enfiando a mão nos bolsos deles.

  2. 08/05/2012 às 5:43 PM

    GUGA!!!!meu amigo respeito muito a sua opniao mais falar q hitler foi um grande lider ate concorda com vc no comeco sim ele teve esse papel mais ai a chamar o cara de genio!!!eh demais neh meu caro estuda a seg guerra e vc vera q foi a teimosia dele e sua incopetencia q aniquilaram o povo alemao,abrindo varias frentes de guerras nao dando ouvidos aos seus generais!!! deve ser por isso q vc tem q estudar tanto pra passar no vestibular!!!!

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: