Lembremos o Dia D

Francisco Miranda - BLOG

A Marinha Real Britânica e a Marinha Americana tiveram um papel fundamental na maior operação anfíbia da Segunda Guerra Mundial, transportar e apoiar com fogo naval um contingente de mais de meio milhão de homens nos primeiros dias da Operação Overlord. E para tal operação, todo tipo de embarcação foi utilizada, desde Destroier até outras embarcações menores como CLI, CLVP, LCT e LCM, todas essas letrinhas representavam o transporte de tropas e de material, além de carros de combate e toda a logística de guerra necessária à tomada de posições fortemente defendidas. As cabeças-de-praia só poderiam ocorrer se a Marinha Americana e Inglesa pudessem bombardear pontos estratégicos específicos e dá apoio total aos setores de desembarque de tropas. Contudo problemas acorreram, principalmente na praia chamada Omahar, quando a U.S Navy despejou projéteis de 12 e 14 polegadas sobre topos de penhascos e por cima de casas matas que praticamente ficaram…

Ver o post original 124 mais palavras

Anúncios
Categorias:Mais Assuntos
  1. marcio rodrigues-Belém-Pará
    06/06/2012 às 9:54 AM

    Invasão da Normandia- Em lembrança da invasão da Normandia em 06/06/1944

    Aquele dia
    O mundo se lembraria.
    Milhares e milhares,
    Desembarcaram,
    Na Normandia.
    Ah! Quanto sangue jorraria!
    Casamatas e armadilhas,
    Estava posicionada a artilharia,
    Dos nazistas.
    Antes desceram paraquedistas,
    Em lugares escolhidos,
    Alguns perdidos,
    Vários bem sucedidos.
    Bombardeios aliados,
    Também foram usados,
    Para dar uma garantia.
    Fizeram bom estrago!
    Era um primeiro passo,
    Batalhas terríveis aconteceriam.
    Canhões de aço,
    Fogo cuspiriam,
    Bombas explodiriam.
    Os alemães já mostravam cansaço,
    Pela guerra que seguia.
    No final de 1944,
    Guerra na França,
    Não mais havia.
    Outras batalhas ainda aconteceriam,
    Em direção,
    Ao coração,
    Da Alemanha.
    Russos pelo leste,
    Outros pelo oeste,
    Até a rendição,
    Do poder alemão.
    Uma frente requisitada,
    Pelo grande chefe vermelho,
    Finalmente efetivada.
    Hoje já estão bastante velhos,
    Os soldados sobreviventes,
    Dessa grande empreitada.
    Ainda se lembram,
    Das batalhas ardentes,
    Do ranger de dentes,
    Quando tinham saudade de suas amadas.
    A invasão daquelas praias,
    Atualmente,
    Ainda é lembrada!
    Nunca mais uma invasão,
    Daquele porte,
    Com tantas mortes,
    Seria executada!
    Márcio Rodrigues-06/06/2012

  2. washington jadum de campos
    06/06/2012 às 1:19 PM

    Acredite se possível não temos mais as fotos, um amigo que mora em Nova Jercey levou as fotos de meu tio uniformizado, ele participou da invasão, não me lembro qual era a divisão, o nome de era Walter Cassimiro de origem Polonesa, faleceu no ano passado no esquecimento dos outros, mas, de nossa família não, parabens Francisco, tentarei recordar as histórias do terrivel modo do qual foram encurralados e consequiram abrir brechas pelo flanco alemão, contados por ele.

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: