Início > Mulheres > Mulheres e Crianças Primeiro? Na Segunda Guerra Nem pensar!

Mulheres e Crianças Primeiro? Na Segunda Guerra Nem pensar!


Enganou-se quem acreditava que a máxima “mulheres e crianças primeiro…” seria levado à cabo durante a Segunda Guerra Mundial como ordem de  salvação para a morte certa. Não demorou muito para que essa frase nada significasse para o conflito. Pelo contrário, as mulheres e crianças estiveram sim envolvidas diretamente no conflito, seja como um combatente regular, partisans  ou no mínimo uma vitima da guerra que atingiu a todos os habitante da Europa. Não por acaso, essa retórica ainda não é válida até hoje. Nos conflitos pós-Segunda Guerra a mulheres e crianças sempre encabeçavam as listas nos mesmos moldes já descritos.

O que podemos tirar como lição? Não aprendemos como nossos erros. Aqueles que devemos proteger são primeiros a padecer quando a insanidade é generalizada.

Ficam os registros fotográficos dos exemplos do passado, sejam eles bons ou ruins:

Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: