Sobre o Autor

Francisco Miranda nasceu na linda cidade do Recife, no histórico e atraente Estado de Pernambuco, em 31 Julho. Formado em Sistemas de Informação é Analista de Sistemas, atuando na área de sistemas corporativos da Secretaria da Fazenda do Estado de Pernambuco. Depois de uma longa jornada resolve fazer outra faculdade, Licenciatura em História. Sua paixão é movida pela ciência que as pessoas insistem em ignorar ou interpretá-la de forma ideologicamente errada! Resolve abrir um blog para escrever o que gosta; o que pensa!

Depois que conversou com um veterano da Força Expedicionária Brasileira e viu nos olhos e em sua trêmula voz o que a FEB passou na Itália, resolveu arregaçar as mangas e trabalhar! Cheio de Projetos é Diretor de Patrimônio da Associação Nacional dos Veteranos da Força Expedicionária Brasileira – Regional Pernambuco.

Francisco Miranda também tem duas belas filhas, Ananda Miranda e Anita Miranda e é casado com outra bela mulher, Micheline Miranda, a quem ele é devedor, pois um homem só cresce e anda para frente movido pela paixão e pelo amor de sua família, e isso ele tem de sobra!

Não se preocupe com quem é Francisco Miranda. Ele é apenas mais um entre milhões da NET, que querem apenas um lugar para escrever coisas que as pessoas talvez não saibam, ou talvez saibam mais do que ele, e tenham que corrigi-lo, ou seja, aqui todo mundo ganha de um jeito ou de outro.

 No final das contas, é assim que a humanidade evolui!

  1. Saulo Landgraf
    19/08/2013 às 12:08 AM

    Caro Francisco Miranda,
    Estou em vias de terminar uma monografia a cerca do Cap Pitaluga gostaria de saber se você poderia me ajudar apreciando o trabalho final.
    Seu amigo, Cap Landgraf

  2. Solange
    19/08/2013 às 3:07 PM

    FRancisco MIranda muito Obrigada por homenagear o meu av^^o Virgilio Daniel de Almeida um grande Homem. O meu Av^^o escreveu um pequeno livro sobre os episodios da guerra e seu ingresso na força expedicionaria Brasileira FEB.Solange Almeida HArtmann

  3. jose rubens
    12/12/2013 às 8:12 AM

    Caro Francisco Miranda, onde poderia colocar a venda 2 talheres que pertenceram a 2 guerra de propriedade de meus familiares.
    agradeço antecipadamente

  4. 24/04/2014 às 9:23 AM

    Caro amigo Miranda estou finalizando um artigo sobre o Major Olívio Gondim de Uzêda, seria possível em conseguir uma foto deste Oficial. Estou escrevendo sobre se Livro Curso de Topografia Milita de 1944.

    • 24/04/2014 às 6:13 PM

      Vou fazer uma busca em meus livros e te envio por email.

      Abraços,
      Chico Miranda

  5. maicon guerra becker
    05/05/2014 às 1:18 PM

    Fico muito feliz em ter alguma informação sobre meu avô, o tenente Justino Vieira Guerra, pois ele já havia falecido quando nasci. Se o Sr. Tiver tempo de me falar um pouco mais sobre ele ficarei muito agradecido. Obrigado

  6. 10/09/2014 às 11:11 PM

    olá amigo. vi o amterial qq vc reuniu aqui e achei fantástico. estou pra produzir um video clipe musical pra uma banda e preciso de uns uniformes nazistas pra representar o campo de auschvitz. por acaso sabe onde encontrar aqui no brasil? obrigado

  7. 02/12/2014 às 8:40 AM

    Prezado Chico

    Como você sabe, sou autor do livro “O Porto Distante” sobre jovens marinheiros na Guerra, culminando com o naufrágio do Cruzador “Bahia”, atribuído a “incidente de tiro”, que reputo ter sido obra do submarino alemão U-530. Dos 382 tripulantes, só 36 sobreviveram. Se alguém perguntar a qualquer jovem o que foi o “Titanic” ele sabe, mas nunca ouviu falar do “Bahia”. Quando participei do Seminário sobre a Segunda Guerra (SENAB II), relaizado
    no CPOR Recife, fiz uma singela palestra sobre o assunto. Observei que nem os alunos do CPOR, nem os alunos de História da Universidade sabiam do fato. Isso se deve ao viés ideológico de nossa intelligentsia.
    No livro explico porque os americanos (a quem nossa Marinha estava subordinada) encobriram esse crime. Solicito publicar no blog que o livro está a disposição através do e-mail paivap50@gmail.com
    Um abraço
    Paulo

    Paulo Paiva

  8. Fábio Oliveira
    16/02/2015 às 10:48 AM

    Olá meu caro Francisco gostei muito do material que encontrei no seu blog, sobretudo sobre a história do Recife, as fotos revelam uma outra cidade, ou melhor, “outras Recifes” ao longo dos seus quase 480 anos. Pretendo explorar outros tópicos do seu site, para o momento meus parabéns e continue assim, Fábio Oliveira

  9. Eunice Diniz
    31/08/2016 às 7:48 AM

    Olá Francisco, visitando seu blog encontrei medalhas da Forças Expedicionária Brasileira com fotos nítidas . Estou pesquisando símbolos alusivos ao assunto para pintura em peças de cerâmica e porcelana.
    Peço, se possível, a liberação dessas imagens.
    At.
    Eunice O. Diniz

  10. marcelo moraes de souza
    31/01/2017 às 12:14 PM

    ola francisco , gostaria que voce apresentasse aqui assuntos dos quais a dois anos pesquiso que é a eugenia , o papel dela ontem hoje e amanha

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: