Início > Guerras, História > Bricando de Soldado – As Crianças na Segunda Guerra

Bricando de Soldado – As Crianças na Segunda Guerra


 Em quase todas as guerras da humanidade há relatos da utilização de crianças como soldados. Mas a partir da Segunda Guerra Mundial elas começaram a desempenhar um papel diferente em momentos distintos da Guerra, na Russia, por exemplo, todas as crianças a partir dos 11 anos de idade já podiam servir ao Exército Vermelho, contudo há relatos de crianças ainda mais novas nas fileiras linhas de frente. Na Alemanha, quando seu poder combativo já tinha se exaurido, coube aos velhos e as crianças uma das principais defesa em Berlim, tanto que a última aparição oficial de Hitler se deu na entrega de medalhas para esses jovens soldados:

Anúncios
  1. washington jadum de campos
    13/06/2011 às 7:48 AM

    Vejamos a inocencia de criança, meu pai assim como meu avo e alguns tios eram militares, só que em outra época, durante a segunda querra as crianças também fora\m massacradas nos campos, que pena!

  2. Miguel Pinaud
    15/06/2011 às 11:47 AM

    Mostro é todo a quele que rouba a infância e juventude, sob qualquer presteto.

  3. Yuri
    13/07/2011 às 1:51 AM

    Sabia que crianças e adolescentes da Hitlerjugend se destacaram na batalha pelo Reichstag na batalha de Berlin? Foram uns dos que lutaram mais ferozmente.

  4. Moriarty
    30/08/2011 às 3:59 AM

    A Juventude Hitlerista, era na sua essência uma organização para-militar, com as suas caminhadas forçadas ao ar livre,seus acampamentos com todos os tipos de atividades físicas e entrosamento com outros camaradas (Assistam o exemplo no filme Triunfo da vontade), está prática tinha por objetivo forjar o novo cidadão-soldado nazista, “livre-arbítrio nem pensar”, os nazistas usaram o exercito, para absorver a mão-de-obra desempregada e reforçar sua própria ideia de milagre econômico Alemão, mas o tempo passou, eles permaneceram no exercito e era preciso justificar a sua situação o nome da justificativa ? II Guerra Mundial.

    Quando começaram a perder, resultado das baixas adultas, entraram as infelizes crianças.

    • 30/08/2011 às 7:37 AM

      O que é comum na maioria das guerras quando recurso de sobrevivência. Lembramos que também os russos utilizaram crianças nas fileiras de seu exército.

  5. Moriarty
    30/08/2011 às 2:24 PM

    Sem dúvida embora tenha usado o exemplo alemão ele infelizmente se estende para muitos exemplos,e o que é pior é tão atual hoje quanto foi no passado,Afeganistão,Chechenia, Bósnia, sempre que possível nos manifestemos contra essa prática em qualquer lugar ou exercito.

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: