Início > Guerras, História > Tanque Russo usado pelo Alemães encontrado depois de 56 anos

Tanque Russo usado pelo Alemães encontrado depois de 56 anos


Em 14 de setembro de 2000, uma escavadeira Komatsu puxou um tanque abandonado russo da Segunda Guerra Mundial de seu túmulo conservado sob o fundo de um lago perto de Johvi, Estônia. O tanque soviético T34-76A descansava no fundo do lago há 56 anos. O tanque tinha sido capturado e usado pelos alemães durante a batalha, e quando o combustível começou a vazar, eles soltaram-no deliberadamente dirigindo até um lago onde ele afundou e lá permaneceu até o ano de 2000.

Rebocador Komatsu que será utilizado no resgate

A escavadeira Komatsu tem o poder e tração necessária para puxar o tanque. O trator está puxando a partir de uma elevação o tanque, o que e requer mais esforço.

A Elevação

Com a ajuda de seus cavalos de potência, o T-34 é lentamente liberado de seu túmulo.  O esforço continua, e a cruz alemã do tanque na torre já pode ser vista enquanto o tanque vai emergindo. Quando um exército captura e utiliza um tanque inimigo os captores pintam seus próprios símbolos no veículo para que seja reconhecido pelo seu próprio lado e não ficar sob fogo amigo.

A Cruz Alemã deixa claro que o tanque russo foi capturado.

Quase a metade do tanque agora está fora do lago. A cúpula da torre está aberta. A comunidade local ajuda a limpar as raízes da árvore que impedia o progresso.

Quase lá...

Agora o tanque está livre de toda a raiz da árvore que o segurava, e o T-34 é arrastado para fora.

Impressionante o estado de conservação do Tanque

O tanque está completo agora e sendo transportado para fora. Está intacto, nenhum dano aparente foi causado. É como se o tanque fosse armazenado em uma cápsula do tempo. Ela aparece exatamente como na última vez que esteve em combate na Segunda Guerra Mundial.

Muito sujo, mas o tanque está 100% completo após 56 anos no lago. É incrível como o tanque foi tão bem preservado no pântano.

A tintura ainda está conservada e com pouco ou nenhuma ferrugem. Até mesmo os simbolos pintados ainda são claramente visíveis e não apresentam grande deterioração ao longo dos anos .

Apesar de suja, a munição do tanque ainda estava intacta. Estas munições serão retirados e eliminadas pelo exército dada sua condição perigosa

A HISTÓRIA

De fevereiro a setembro de 1944, pesadas batalhas foram travadas na estreita faixa de 50 km de largura na frente de Narva na parte noroeste da Estônia. Mais de 100 mil homens foram mortos e 300 mil foram feridos. Durante batalhas no verão de 1944, o tanque foi capturado do exército soviético e usado pelo exército alemão. (Esta é a razão das cores alemãs pintada na parte externa do tanque.) Em 19 de setembro de 1944, tropas alemãs iniciaram uma retirada organizada ao longo da frente de Narva. Suspeita-se que o tanque foi então conduzido propositadamente para dentro do lago, sendo abandonado quando os seus captores abandonaram a área.

Naquela época, um menino local caminhado pela pelo lago Matasjarv notou rastros de tanque que levam até o lago, mas não chegando a lugar nenhum. Por dois meses ele viu bolhas de ar saírem do lago. Isso lhe deu motivos para acreditar que devia haver um veículo, no fundo do lago. Alguns anos atrás, ele contou a história para o líder de um clube local de história da guerra “Otsing”. Juntamente com outros membros do clube, o Sr. Igor Shedunov iniciou pesquisas e mergulhos no fundo do lago. A uma profundidade de 7 metros, eles descobriram o tanque descansando sob uma camada de três metros de turfa.

Entusiastas do clube, sob a liderança do Sr. Shedunov, decidiram puxar o tanque para fora. Em setembro de 2000 eles se voltaram para o Sr. Aleksander Borovkovthe, gerente do AS Eesti Polevkivi, para alugar da empresa Komatsu D375A-2 bulldozer. A operação de resgate começou às 09:00 e foi concluída às 15:00, com diversas paradas técnicas. O peso do tanque em conjunto com a declividade, fez uma operação resgate que exigiu muito esforço. O D375A-2 da operação com força e estilo. O peso do tanque armado foi de cerca de 30 toneladas, por isso a força de tração necessária para recuperá-lo foi semelhante. A exigência principal para a escavadeira de 68 toneladas era ter peso suficiente para não deslizar enquanto a subindo da colina.

Após o tanque vir à tona, acabou por ser um tanque ‘troféu’, que tinha sido capturado pelo exército alemão no curso da batalha em Sinimäed, seis meses antes de ser afundado no lago. Juntas, 116 munições foram encontradas a bordo. Surpreendentemente, o tanque estava em boas condições, sem ferrugem, e todos os sistemas em condições de funcionamento.

Esta é uma máquina muito rara ainda mais considerando que lutou tanto pela Rússia quanto pela Alemanha.

Um exemplo de foto da época de um tanque inimigo capturado e utilizado pelas tropas alemãs

Fonte:

http://www.vincelewis.net/t34.html

About these ads
  1. washington jadum de campos
    22/08/2011 às 3:14 PM

    Mais uma obra para o museu, é a historia.

  2. 22/08/2011 às 7:39 PM

    Fantástica estória após quase 70 anos ! Se não fosse esse menino que notara os rastros do tanque ( na época ) ele provavelmente nunca seria localizado !

    E indo além… quantos outros mais devem existir ainda ?

  3. Mariana.
    31/10/2012 às 4:22 PM

    Preciso alugar um tanque de guerra. Você teria algum contato? Algum colecionador?

    • 31/10/2012 às 4:33 PM

      Mariana,

      Até tenho contatos, mas para que você queria alugar? Qual o tipo de tanque?

      Att,
      Chico Miranda

  4. Andre
    26/11/2012 às 4:43 PM

    Vc pode passar os contatos de aluguel dos tanques?

  5. adriano
    05/02/2013 às 2:50 PM

    fantastico.

  6. Flavio Coelho
    25/05/2013 às 10:06 AM

    Boa dia…estou em busca de um aluguel de tanque de guerra? vocês poderiam me passar os contatos por favor? Obrigado

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 1.199 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: